Logo Hospital Dom Orione
Javascript DHTML Drop Down Menu Powered by dhtml-menu-builder.com
NOTÍCIAS
Hospital Dom Orione reúne mães para orientar sobre aleitamento e doação de leite humano


   

Por Rodrigo Martins


Em comemoração à Semana Estadual de Doação de Leite Humano, o Hospital Dom Orione promoveu na manhã desta terça-feira, 22, o Encontro da Mamada. A atividade é uma ação educativa voltada para mães que tiveram bebê nos últimos dias e funciona como uma roda de conversa informal, esclarecendo as dúvidas em relação ao aleitamento materno.

Um dos principais assuntos abordados foi em relação à alimentação do recém-nascido. Segundo a nutricionista e coordenadora do Banco de Leite Humano, Luiza Pereira Theodoro, o leite materno deve ser o único alimento ingerido pela criança até os seis meses de vida. “O leite materno possui todos os nutrientes necessários para a saúde do bebê”, orientou.

   


O pediatra da Unidade de Terapia Intensiva Neonatal, Moisés da Cunha Filho, aproveitou a oportunidade para motivar as mães a serem doadoras de leite, beneficiando os bebês que estão internados. Todas aquelas que produzem mais leite que seus filhos consomem podem ser doadoras. Mesmo pequenas quantidades podem ajudar. “Temos um bebê com 480 gramas que toma 08 ml de leite por dia”, exemplificou o pediatra.

Algumas mães saíram do encontro no intuito de se tornarem doadoras. Foi o caso da Naila Maria Aparecida. Seu filho está com onze dias de vida. Ela conta que ao amamentar, percebe que fica leite sobrando. “Me sinto realizada em poder ajudar, porque tem tantos bebês que precisam desse leite. Estou ajudando a salvar vidas”, partilhou.

As mães que optarem por serem doadoras recebem um kit, contendo touca, máscara e um frasco de vidro. A equipe do Banco de Leite Humano do Hospital Dom Orione vai até a residência da mãe para orientar sobre a coleta e armazenamento do leite. Na unidade, ele é pasteurizado, fracionado e encaminhado para os bebês internados na UTI Neonatal.

O Encontro da Mamada também será realizado nos dia 23 e 24, nas Unidades Básicas de Saúde Dr. Raimundo e JK, em Araguaína.



 

Arquivo Mais Lidos




Tecnologia a serviço da vida!